Atualmente muitas das redes de franquia que são novatas não conseguem obter o sucesso inicialmente e mesmo fazendo as suas primeiras vendas de unidades, elas não podem parar por aí… O motivo de não conseguir vender o negócio pode ser esclarecido observando os seguintes fatores:

A REDE TEM DIFICULDADE EM CONQUISTAR INTERESSADOS

O principal problema, nesse fator que contribui para que a rede não cresça é que ela não consegue gerar contatos de interessados em adquirir a franquia da marca.

PROBLEMAS NO ATENDIMENTO

Nesse caso, a rede não faz um bom atendimento, de uma maneira profissional, no momento em que as pessoas entram em contato para comprar uma franquia.

NÃO HÁ DIFERENCIAIS

Esse problema acontece quando o franqueador não consegue demonstrar o valor agregado à empresa para o candidato ou o seu real valor de oferta. Isso acontece geralmente pela franquia não possuir diferenciais para chamar a atenção e conquistar seus interessados.

FALTA DE PODER DE PERSUASÃO

Se franqueador não consegue convencer o candidato de que a estrutura que possui pode realmente disponibilizar um suporte adequado aos seus respectivos franqueados, é um problema certo que afeta diretamente a expansão da rede de franquias.

INSATISFAÇÃO DOS PRIMEIROS FRANQUEADOS

Os primeiros franqueados, demonstrando-se insatisfeitos com o negócio, podem acabar por atrapalhar o fechamento de negócios de novas franquias.

Mas como resolver, de certa forma alguns desses problemas, para “desatar o nó” que impede a sua rede de crescer?

Para atacar o segundo item dessa lista, é imprescindível que você pratique um bom processo de vendas e também de seleção de franqueados. Considere esta uma dica: Tenha cuidado e dedique sua atenção à remuneração dos vendedores responsáveis pela realização das vendas da franquia.

Caso seu objetivo seja recrutar franqueados que podem ser considerados bons, vale definir que parte da remuneração seja fixa. E se você estiver remunerando através da conclusão da venda, a prioridade do seu vendedor sem dúvidas será diferente de escolher um bom franqueado. Seus esforços estarão voltados principalmente para fechar a venda da franquia de qualquer maneira.
Em suma, podemos considerar que um macroprocesso de venda de franquias deve ter uma boa estrutura.

Definir metas para ampliar a rede e desenhar planos de ação para atingi-las tem tudo a ver com a sua franquia em ascensão!

A busca por alcançar os resultados esperados exige que você reflita sobre onde exatamente deseja chegar. Na gestão de franquias, a necessidade de que se tenha metas bem claras para aumentar as vendas não é diferente. Boas metas são feitas baseadas em análises. Ou seja, são feitas a partida da análise do nº de unidades que foram vendidas no ano passado, ou em quantas unidades seus concorrentes venderam. E também se considera o seu orçamento de marketing.

As metas estipuladas para a venda de unidades não novidade no mercado de franquias. É bem provável que uma grande parte dos empresários possuam metas para vendas. O alerta que fica é que, se você deseja vender mais e pensa que estipular suas metas de vendas já é o suficiente para que atinja seus resultados, há grandes chances de que tudo aconteça errado e da maneira que você não quer.

Para que se tenha metas de venda que possam lhe direcionar a algum lugar, você indiscutivelmente precisará monitorar as métricas do seu funil de vendas. Assim sendo, irá acompanhar cada nível de evolução dos candidatos que se interessaram pela compra da franquia, observando desde o contato inicial até assinar o contrato com seu novo franqueado.

Nos dias de hoje há softwares de CRM (Custom Relationship Manager ou Gestão de Relacionamento com o Cliente) que apresentam preços acessíveis, e muitos podem ser direcionados especificamente para venda de franquias. Dessa forma não há como o seu time de vendas não contar com esse tipo de ferramenta que permite o acompanhamento de perto as métricas de venda. É essencial que se tenha outras metas, além da meta de venda de unidades de franquia. Uma delas, por exemplo, é a meta de geração de leads (contatos interessados na compra de franquia).

Muito do interesse dos franqueados se dá em uma análise mais profunda e até mesmo criteriosa em relação a maneira como a rede se comunica tanto com seu franqueado quanto com seu cliente. O trabalho que seu time de marketing desenvolve para criar materiais publicitários precisa constantemente ser otimizado. Existem ferramentas que podem ajudar a melhorar a qualidade e ser o fator chave para que as mídias no padrão da marca possam ser compartilhadas da melhor e mais ágil maneira com seu franqueado, tornando-o satisfeito e aumentando consequentemente seu grupo de franqueados. Ficou curioso sobre essas ferramentas? O Deskfy  disponibiliza isso e mais!

Ficou com alguma dúvida ou tens alguma sugestão de assunto para abordarmos? Comente abaixo!