Para que a sua empresa esteja preparada para a chegada do Deskfy, temos algumas dicas! O objetivo é facilitar a implementação, melhorar a experiência de uso do usuário e maximizar os resultados da sua empresa. Dessa forma, pontuamos os três principais passos a seguir:

1. REUNA TODOS OS ATIVOS DIGITAIS DA MARCA

Dessa forma, todos os materiais da marca ficarão salvos em nuvem e disponíveis a quem for necessário. Entre os ativos digitais estão:

  • Manual da marca (contendo diretrizes e paleta de cores);
  • Logos (e variações);
  • Ícones da marca;
  • Imagens da marca (da empresa, eventos, linhas de produtos, etc);
  • Imagens de fundo (texturas/imagens que costumam ser utilizadas nas artes).
  • Fontes oficiais da marca

2. COLETAR AS ARTES QUE SE TORNARÃO TEMPLATES

Para abastecer o Deskfy com o enxoval de artes inicial, você deve reunir tudo aquilo que será passado para o Deskfy. Se for um conteúdo que passe por customização, o indicado é buscar o arquivo editável (Ex: .AI, .PSD, etc). Caso for um arquivo apenas para download, o arquivo final bastará.

3. UNIFICAR AS ARTES EM PRODUTOS

Para cada tipo de aplicação da arte existe um tamanho adequado. Para garantir a consistência da marca e padronizar a comunicação, é indicado definir as dimensões que cada um tipos de produtos levará, de forma a adotar um padrão. Se a sua empresa ainda não unifica as artes por dimensões padrões, é uma ótima hora para dar esse passo. Veja alguns exemplos abaixo!

Ex:

  • Post de Instagram – 1080px x 1080px
  • Cartão de visitas – 9cm x 5cm
  • Flyer A5 (frente e verso) – 14,8cm x 21cm

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com a gente! 🙂