É tudo sobre planejamento. Planejamento de conteúdo. Planejamento orçamentário. Planejamento de equipe. Você está sempre pensando na estruturação de todo o seu processo. Uma coisa que muitas vezes é negligenciada, no entanto, é planejar uma melhor comunicação.

Como você será mais organizado e eficiente ao compartilhar os seus ativos digitais? Como você facilitará a colaboração com seus colegas para todas as partes? E como você simplificará as comunicações para que todos otimizem seu tempo?

Em média, os profissionais de marketing gastam 62,5 horas por ano procurando por ativos de marca. Acho que todos podemos concordar que é muito tempo. Então, como você pode recuperar esse tempo e desfrutar de uma colaboração mais proveitosa com seus colegas? Com a plataforma certa de Digital Asset Management (DAM), é claro. Falaremos sobre alguns recursos que levam as empresas a uma melhor comunicação.

1. USABILIDADE DO ATIVO

Às vezes, você quer garantir que os ativos certos estejam no lugar certo em seu sistema. Outras vezes, você quer informar a alguém onde o novo vídeo da marca está armazenado. E outras vezes, você só quer ver se os ativos corretos foram usados em sua campanha mais recente.

O recurso de uso de ativos é a resposta para cada um desses cenários. Em um sistema DAM, é possível que os usuários visualizem rapidamente quais coleções e links de compartilhamento um ativo foi adicionado. A partir daí, você pode clicar para visitar a coleção ou compartilhar o link. Sim, é assim tão fácil ver como seus ativos estão sendo usados. Esse recurso leva a uma melhor comunicação com os colegas, evitando que você envie e-mails desnecessários para descobrir quem compartilhou o quê e onde. Existe também a função “comunicado”, que pode ser utilizado, por exemplo, para comunicar ao seu time o que você está usando de ativos em suas campanhas.

2. GERENCIANDO COMPARTILHAMENTOS

Se você é um administrador de sua pasta de marca, é possível visualizar todos os links de compartilhamento que foram gerados. Isso significa que você sabe exatamente quais ativos têm links de compartilhamento criados para eles, quando foram criados, quando esses links expiram (se você quiser que determinados usuários tenham acesso temporário a ativos) e com quem esses links estão sendo compartilhados.

Esse recurso também permite que você clique em um compartilhamento e vá para a página de compartilhamento. A partir daí, os administradores podem gerenciar o compartilhamento, o que inclui editar a data de expiração, exigir identificação e até mesmo alternar um ativo apenas para acesso interno.

Quer deletar um compartilhamento? Você também pode fazer isso. Essa função permite gerenciar as configurações de compartilhamento sem precisar entrar em contato com os colegas para descobrir quais ativos eles têm acesso ou quais materiais foram compartilhados externamente. Você tem acesso a todas essas informações com um simples clique e tem o poder de ajustar as configurações de compartilhamento como quiser.

3. COLEÇÕES

OK, então eles estão por aí há algum tempo, mas você está usando? Quero dizer, realmente usando eles? Porque eles vão mudar sua vida e revolucionar a maneira como você colabora.

Primeiro, vamos definir o que é uma coleção. Coleções permitem que você organize subconjuntos dentro de sua pasta de marca. Agrupe o público-alvo ou o conteúdo específico da campanha em uma Coleção ou use Coleções para armazenar marcas diferentes na sua empresa.

Como sei quando minha marca precisa de uma coleção? Aqui estão algumas maneiras que beneficiam você e sua empresa:

  •  Forneça os ativos certos para o público-alvo certo: permita que determinadas pessoas acessem um subconjunto ou oculte ativos de determinados usuários. Isso garante que os usuários vejam apenas o que é pertinente a eles.
  • Permitir a organização adicional da sua marca: organize grupos de ativos em seções para comunicados de imprensa, campanhas de marketing ou públicos-alvo.
  • Controle quem pode ver o que: Torne públicos alguns ativos, mantendo o restante em sigilo.
  • Incorpore um subconjunto: exiba alguns dos seus ativos em seu site, enquanto oculta o restante.

O que você pode fazer depois de criar uma coleção:

  1. Adicione uma imagem de cabeçalho às suas coleções;
  2. Gerenciar usuários em coleções específicas;
  3. Exigir que os usuários solicitem acesso a coleções;
  4. E-mails de domínio da lista de permissões (isso significa que sua coleção aprovará automaticamente os endereços de e-mail no domínio de sua empresa);
  5. Crie uma senha simples para sua coleção;
  6. Criar taglines para coleções;
  7. Criar Tags Fixadas (Isso permite fixar palavras de busca específicas no topo de suas Coleções, tornando-as facilmente pesquisáveis);
  8. Adicionar ativos a várias coleções;
  9. Obtenha um código de incorporação para incorporar sua coleção em um site;
  10. Faça ações em massa nos ativos: marque, mova, compartilhe, faça o download, remova;
  11. Editar templates.

Além de da gestão dos seus ativos digitais, com o Deskfy você ainda tem o módulo Workflow e o modo Comunicados. No Workflow, você consegue ter uma visualização sistêmica dos seus processos de marketing. Nesse módulo, você recebe solicitações e consegue organizar as tarefas do seu time, otimizando tempo e padronizando os processos. Já no módulo Comunicados, você não precisará mais usar e-mail para compartilhar informações. Também é possível fazer a segmentação por grupos de usuários e saber quem teve acesso ao seu comunicado. Assim, estará centralizando todos os seus processos de marketing.

Ficou com alguma dúvida ou tens alguma sugestão de assunto para abordarmos? Comente abaixo!