Muitas marcas utilizam o marketing de conteúdo como estratégia para gerar leads qualificados e, por consequência, impulsionar as suas vendas. Segundo a Content Trends 2018, empresas que que utilizam marketing de conteúdo alcançam 2,6 vezes mais visitas em comparação as que não utilizam de tal estratégia, e possuem 3,7 vezes mais leads que as demais empresas.

NÃO COMETA ESSES DOIS ERROS

O especialista Arnie Kuenn da Vertical Measures, comenta sobre haver uma tendência de criar conteúdos errados. Isso decorre da mentalidade de “se entusiarmar” e não seguir um planeamento estratégico de marketing de conteúdo. Se vê muitos materiais criados para o público errado, e isso resulta em leads de baixa qualidade. Os criadores de conteúdo de certas empresas parecem estar criando:

– Conteúdo que ninguém está procurando
– Conteúdo voltado para profissionais em vez de tomadores de decisão

Se as organizações se concentrarem em corrigir esses problemas, eles verão um aumento imediato nos leads de maior qualidade.

PENSE EM WEBINARS

A especialista Agnes Jozwiak do ClickMeeting, comenta que webinars desempenham um papel muito importante no marketing de conteúdo e no processo de geração de leads. As pessoas que se inscrevem para participar se tornam leads calorosos (e você pode saber se eles assistiram, quanto tempo eles gastaram e quais partes eles viram). Mas os benefícios não param por aí.
– Em uma chamada online de 60 minutos, você pode criar cerca de 10 vídeos mais curtos para distribuir pelas suas redes.
– Pode se utilizar os slides usados no vídeo para criar um infográfico informativo sobre seu produto.
– Você também tem material suficiente para produzir um PDF ou e-book. Podendo monitorar como que aqueles os inscritos reagem a esses outros formatos de conteúdo, ajudando na coleta de informações para seu processo de vendas.

MANTENHA-OS CLICANDO

Segundo Sam Hurley, conteúdo excelente não é suficiente para atrair leads. Eles devem estar em conjunto com estas estratégias:

– Segmentação precisa do público-alvo, sendo realizada por meio de pesquisa de mercado, por exemplo. É o seu público, suas personas que são os motivos pelos quais você cia conteúdo
– Os conteúdos devem ser continuamente disponibilizados para os visitantes certos, no momento certo, através do canal certo
– Razões convincentes para os visitantes entregarem seus dados de maneira gradual, para que eles vão fornecendo mais informações sobre suas necessidades ao longo do tempo

Landing pages é uma das estratégias usadas para obter esses dados, onde conteúdo rico é fechado. Isso significa que informações pessoais (endereço de e-mail, profissão, etc.) são necessárias antes que esse conteúdo seja desbloqueado para o visitante.

Sempre garanta que seu conteúdo seja extremamente útil para seu público-alvo.

POUCA INFORMAÇÃO

Seu conteúdo precisa estar vinculado a uma proposta de valor forte que obrigue o usuário a fornecer seu endereço de e-mail ou outras informações de contato.

É preciso garantir que você tenha uma oferta atraente para que o visitante deseje acessar

Você precisa de um plano de ação claro, uma caixa de formulário de lead e uma maneira de entregar sua oferta automaticamente, por automação de marketing por exemplo.

Tom Casano, do Sure Oak, comenta que seu formulário exija o mínimo de informações possível. Por exemplo, se você pedir um número de telefone, um endereço e muito mais, há a chance de poucas pessoas serem convertidas em um lead. Se você pedir apenas um endereço de e-mail, você terá uma taxa de conversão muito maior.

ACOMPANHE SUA ATIVIDADE

Incorpore uma ou mais “calls to action” em cada etapa do seu marketing de conteúdo

Heidi Cohen diz que a chave para provar o sucesso do marketing de conteúdo é criar as métricas adequadas.

Veja seus dados em função: do formato de apresentação, data de publicação, visualizações nos materiais e quaisquer dados ou resultados para acompanhamento da efetividade das suas estratégias.

DÊ ALGO PARA FAZER EM SEGUIDA

Nem toda interação irá levar a uma venda, mas ela deve levar a um próximo passo para leitor.

Lee Odden comenta que, entre as questões que você precisa saber sobre o seu público é quais os gatilhos que farão eles agirem. Nem todas as interações dos leads com o seu conteúdo serão convertidas em uma venda, mas o conteúdo sempre deve dar ao leitor algo para fazer em seguida. Inevitavelmente, o próximo passo é perguntar, comprar ou compartilhar.

O marketing de conteúdo deve ajudar os compradores a concluir que sua solução é a melhor resposta para o problema que estão tentando resolver.

CONTINUE A CULTIVAR

Ahava Leibtag indica oferecer informações que ajudem o público a aprender sobre um assunto, tomar decisões e construir uma conexão com sua organização. Por exemplo, você pode disponibilizar conteúdos ricos para download, como e-books, tabelas e materiais exclusivos, para continuar a nutrindo seus leads.
Além disso, ela comenta que eventos é uma ótima maneira de conversar e se conectar com seu público e oferecer a eles um conteúdo exclusivo que só eles têm acesso porque vieram para a sua palestra ou workshop.

Nós do Deskfy, oferecemos um bootcamp de Marketing para estudantes e profissionais da área, no qual o objetivo do evento foi levar para o público um conhecimento que não é aplicado no mercado, mostrando como é possível inovar na área.

FAÇA COM QUE A COMPARAÇÃO SEJA FÁCIL

Os leads que estão olhando para o seu serviço podem não estar totalmente convencidos de que você oferece exatamente o que eles estão procurando.

Jason Quey comenta que os clientes irão comparar seu produto com os concorrentes que eles conhecem do setor. Crie páginas de comparação para gerar leads e vendas de compradores de comparação.

Para gerar leads, crie landing pages de comparação.

DISTRIBUA CONTEÚDO

Nichole Elizabeth DeMere indica que se distribua o conteúdo criado para comunidades do seu nicho que vão ao encontro com os interesses do seu público, leve seus materiais para onde quer que seus clientes ideais gastem seu tempo.

A distribuição de conteúdo para outras comunidades gera tráfego e reconhecimento de marca, o que gera leads. Esse método é especialmente eficaz quando você se envolve nessas comunidades e constrói relacionamentos genuínos com outros membros.

Quanto mais fortes seus relacionamentos estiverem nas comunidades mais relevantes para o seu espaço, maior será o público-alvo de compradores qualificados. Fazendo com que essas pessoas naturalmente desejarão compartilhar suas informações de contato com você.

É SUA VEZ

Ao incorporar essas estratégias ao seu marketing de conteúdo, você estará mais bem posicionado e poderá ajudar no crescimento dos negócios da sua empresa.

Adaptação e tradução do texto original de Shane Barker.

Ficou com alguma dúvida ou tens alguma sugestão de assunto para abordarmos? Comente abaixo!