Rebranding é a criação de uma nova aparência para um produto ou empresa estabelecida. É realizado com uma marca já existente e envolve o slogan da marca, logotipo, visual, embalagem, materiais de marketing e qualquer outro ponto que dê conectividade com o consumidor da marca.

Rebranding é a criação de uma nova aparência para um produto ou empresa estabelecida. É realizado com uma marca já existente e envolve o slogan da marca, logotipo, visual, embalagem, materiais de marketing e qualquer outro ponto que dê conectividade com o consumidor da marca.

 

Porque empresas recorrem ao rebranding

A marca não é o que o proprietário diz, e sim o que os consumidores dizem sobre. Como se sabe, muitas marcas não alcançam a visibilidade que almejam e em diversos casos é porque a identidade da marca está fraca, então é necessário um rebranding. Os empresários acham que nada mais é do que um novo começo, acreditam que é possível manter todos os aspectos positivos da marca enquanto jogam fora as coisas indesejáveis. Quando, na realidade, um rebrand, que muitas vezes não parece necessário, detecta diversas coisas ruins sobre a marca como um todo.

Casos em que o rebrand é uma alternativa

Logotipo antiquado: o logotipo é o primeiro contato do consumidor com a marca, logo se ele é ultrapassado os possíveis clientes optarão por empresas atualizadas e modernas de acordo co o mercado atual.

Conotações culturais negativas: muitas vezes, quando uma marca se torna global e descobre que seu nome, cores ou outros aspectos estão inadequados nos países ou culturas em que a expansão está ocorrendo, mudanças devem ser feitas para que a marca seja aceita no novo mercado.

Alteração na linha de produtos: quando produtos são alterados, removidos ou adicionados o nome ou a aparência da marca pode acabar deixando de ser representativo para essa nova linha de produtos.

Competição no mercado: quando os concorrentes estão avançando com participação de mercado e solidez, uma marca pode sentir a necessidade de diferenciar-se ainda mais dessa competição, a fim de recuperar o pé perdido. Isso equivale a rebranding com o objetivo de atrair (ou re-atrair) uma porção maior de um público-alvo.

Consciência Social: As marcas frequentemente sentem a pressão de consumidores, comunidades, agencias governamentais ou mercados para se tornarem mais conscientes social e ambientalmente. Depois que as alterações apropriadas são feitas, às vezes percebe-se que a marca não representa a empresa mais verde ou mais consciente socialmente, então o rebrand realiza essa mudança na imagem da marca também.

Up-Marketing: Quando um produto utilitarista é destinado para um mercado de luxo, ou se qualquer marca é atualizada para atrair um público mais exigente (com um preço mais alto), então é necessário rebranding para se comunicar com esse novo mercado. O contrário também se aplica.

Transgressões passadas: se uma marca precisa recuperar sua reputação de mau atendimento ao cliente, produtos de baixa qualidade ou entrega lenta, por exemplo, pode-se pensar em rebranding. Isso significará um “novo começo, marca nova” para os consumidores que estão familiarizados com a marca e “nova marca” para aqueles que ainda não estão familiarizados com ela.

Erros na marca original: talvez uma marca tenha sido construída sem a devida pesquisa de público-alvo. Ou talvez tenha sido focada no público-alvo errado. Não importa o motivo, às vezes as marcas não são representativas das necessidades de seus clientes ideais. Nesse caso, o rebranding, com extensa pesquisa, atenção aos problemas e necessidades do cliente ideal, deve ser implementado.

Não importa o motivo do rebranding, ele deve sempre ser planejado com atenção especial ao público e ao mercado, principalmente com a intenção de diferenciação da concorrência. O rebranding pode ocorrer em vários níveis, desde um ajuste de logotipo até uma revisão completa. Em última análise, o nível de impacto estará relacionado diretamente com o nível de rebranding, e uma atenção especial deve ser dada aos clientes existentes enquanto promulguem o rebranding.

Ficou interessado ? Leia”Seis motivos para ter um Portal da Marca” para saber mais ou solicite uma demonstração gratuita do nosso portal da marca e converse com um de nossos especialistas, ficaremos felizes em te atender 😀