MARKETING PARA FRANQUIAS

As franquias, assim como qualquer outro negócio, também possuem a necessidade de praticar ações de marketing. A diferença é que elas precisam seguir regras impostas pela franqueadora. Isso envolve questões culturais, regionais, formas de comunicação e padronização da marca. Além disso, as franquias têm como objetivo não só de atender a necessidade dos clientes, mas também considerar as demandas dos franqueados e da rede como um todo.

Geralmente o franqueado não possui liberdade para realizar ações de marketing. Para que essas ações aconteçam, é necessário obter uma aprovação prévia. Na maioria dos casos, as redes programam ações anuais e os franqueados utilizam o material e as orientações fornecidas em suas unidades.

É importante entender que uma marca já consolidada no mercado apresenta maior facilidade e variedade de ferramentas de marketing. Em contrapartida, uma rede menor pode ter mais dificuldade e, por conta disso, é essencial a padronização da marca. A franqueadora precisa cobrar esse padrão dos seus franqueados, para que a comunicação com o cliente seja sempre clara e assim, podendo trazer melhorias através de um acompanhamento constante.

Quando se trata de um modelo de negócio padronizado, o franqueado deve estar ciente de que algumas ações são obrigatórias. Existem muitos franqueados que não autorizam algumas estratégias criadas pelas redes e se recusam a participar de determinadas campanhas. Consequentemente causando um desgaste no relacionamento entre franquias e franqueados, podendo resultar até mesmo na não renovação do contrato.

Tendo tudo isso em vista, é obrigação da franqueadora fornecer aos franqueados programas eficazes de marketing. Também é interessante apresentar manuais sobre padrão para as ações que serão feitas. Esses padrões podem envolver desde comunicação visual, até a captação e retenção de clientes. A utilização de ferramentas, como o Deskfy, pode te ajudar nesse processo!

ESTRATÉGIAS DE MARKETING PARA FRANQUIAS QUE PODEM SER APLICADAS EM FRANQUIAS

Não há dúvidas que atualmente as redes sociais estão influenciando cada vez mais os consumidores em suas decisões de compra. Por isso, é fundamental ter uma boa página, que contenha um conteúdo apropriado que crie interesse nas pessoas. E, quando se trata de redes sociais, a padronização das páginas dos franqueados é tão importante quanto o conteúdo fornecido.

Também existem estratégias simples que podem ser utilizadas nos pontos de venda. Você pode começar construindo um mailing de clientes e enviar a eles sempre que possível novidades sobre o mercado, lançamento de novos produtos e serviços, abertura de novas unidades, entre outras coisas. Procure sempre deixá-los informados sobre as novidades.

PÚBLICO-ALVO

Toda franquia, em razão do seu modelo de negócios, tem obrigatoriamente no mínimo dois públicos-alvo. Eles são: O consumidor dos produtos/serviços e os empreendedores/investidores para a franquia. Nesse sentido, a franquia conta com o desafio de satisfazer ambos os públicos.

Após feita uma análise em sites de franquias, é claramente visível a preferencia com o primeiro público: o consumidor final. Essa prática é muito comum, mas a experiência do investidor também deve ser levada em consideração, uma vez que esse é o público que irá disseminar a sua marca, além de ser o parceiro do negócio.

Pensando nisso, é importante que a sua web site leve um possível lead (investidor/empreendedor) para uma página, ou subdomínio, que seja possível encontrar as informações relevantes da sua franquia. É interessante, além de conter informações, existir um guia mostrando o passo a passo para ser um franqueado.

WEBSITE

O domínio do seu site é uma das partes mais importantes da marca. Ele é quem vai facilitar que a sua franquia seja encontrada facilmente na internet, através de pesquisas orgânicas. Na grande parte das vezes, um bom design e um formulário de contato simplificado (nome, e-mail e telefone) pode influenciar positivamente sua performance, aumentando o número de cadastros.

A maior parte do tráfego do seu site é proveniente de clientes finais. Por conta disso, seu subdomínio deve estrategicamente influenciar positivamente os visitantes. Os subdomínios têm como objetivo levar seu público alvo para diferentes seções em seu website.

CREDIBILIDADE

A credibilidade é outro quesito que deve ser muito bem pensado. Ter uma marca padronizada interfere bastante na confiança do consumidor, uma vez que mostra a seriedade da empresa.

Outros aspectos importantes que devem conter em seu site são: história, posicionamento, dados de mercado, vantagens e depoimentos dos franqueados. Esses são conteúdos para qualificar a marca e passar a credibilidade necessária para que as pessoas interessadas se sintam a vontade de entrar em contato, além de chegar mais informado para conversar com o time comercial.

REDES SOCIAIS

As redes sociais são importantes para o relacionamento entre cliente e empresa. Além disso, elas servem para deixar seus seguidores por dentro de todas novidades e conteúdos criados pela franquia.

Um estudo feito pela ComScore mostra que os brasileiros estão no topo da pirâmide quando o assunto é engajamento em redes sociais. O Brasil possui uma média 60% maior em relação aos outros países. Em média, os brasileiros gastam 650 horas por mês em redes sociais. O Facebook ainda é a rede de preferência dos usuários, tendo um alcance total de 78% de usuários. Desse modo, é visível a necessidade de a franquia estar presente nas redes sociais.

TRÁFEGO

A quantidade de usuários acessando seu site está diretamente ligada à quantidade de leads que podem se tornar futuros clientes. Se o potencial de acessos do seu site não está sendo atingido, há algumas formas de fontes de aquisição, sendo essas: orgânico, através de criação de conteúdo que aparecerão no google (SEO) e links patrocinados, como: Google Adwords, Facebook Ads, Linkedin Ads e etc.

Para acessos orgânicos, é interessante a atualização constante de conteúdo para que seu site suba posições nos resultados de busca do Google. Compartilhar links com sites parceiros também poderá lhe render gratuitamente um aumento considerável nos acessos do seu site. Quando seu cliente não acha exatamente o que procurava, a forma de facilitar acesso dele se da através de campanhas pagas.

E-MAIL MARKETING

Quando se tem leads e eles não fecham negócio com você, é a hora do e-mail marketing. O público que ainda está indeciso pode ser por diversos motivos, como: não te conhecem, não tem espirito de franquia, ainda não está preparado para investir. Nesse sentido, esse cenário só pode ser revertido se você manter contato com essas pessoas.

Aproximadamente 50% dos Leads de uma empresa B2B são qualificados, mas ainda não estão no momento ideal de compra. Por esse motivo é fundamental estimular o interesse dessas pessoas que você já realizou uma primeira interação e conduzir de forma mais suave para a etapa seguinte do funil de vendas. As campanhas de nutrição de leads têm como objetivo impulsionar as vendas.

Para você não investir muito trabalho nesse processo, invista na automatização dos seus processos!

CONTEÚDO

Invista em um conteúdo que chame atenção do seu público alvo. Quanto mais específicos eles forem, mais leads qualificados você terá. Nesse sentido, você deve se colocar no lugar do seu cliente e pensar como ele: você se preferiria se tornar franqueado de uma empresa que está sempre perto de você, se preocupando em ensinar coisas novas ou daquela empresa que só mandou uma simples apresentação e ficou esperando seu contato? Seu cliente é como você, ele compra o que ele conhece, acredita e confia, e é por isso que a entregar de valor faz tanta diferença.

Tenha um blog da empresa sempre atualizado e com novos conteúdos para mostrar para possíveis franqueadores. Aproveite as mídias sociais e o e-mail marketing para distribuir seus conteúdos e aumentar cada vez mais os acessos ao seu site.

O sucesso no Marketing Digital não é simples como a maioria dos empresários imaginam. Precisa de tempo e esforço. Além disso, procure sempre entregar o valor que os clientes procuram.

Ficou com alguma dúvida ou tens alguma sugestão de assunto para abordarmos? Comente abaixo!