Franquias englobam um mercado que está em crescimento. Com sua constante expansão, o mercado de franquias pode ultrapassar principalmente as barreiras geográficas. É exatamente nesse ponto que visualizamos qual é o seu grande valor: a possibilidade de adquirir uma marca já que já é reconhecida em território nacional e até no mundo inteiro. Essas vantagens, de praxe, exigem que pagamentos sejam feitos por parte dos franqueados para seus franqueadores. E é aí que surge o termo Royalties de franquia.

Sempre que nos deparamos com o termo Royalties de franquia, as dúvidas que surgem são as mais variadas possíveis. Dentre elas estão, por exemplo:

  • O que exatamente são os royalties de franquia?
  • Como é o funcionamento dos royalties dentro de uma franquia?
  • Como calcular e de que maneira os lucros entre a franquia e os franqueados são divididos?

Calma! Não vamos te deixar com essas dúvidas. Dessa vez vamos abordar alguns tópicos importantes para que os futuros franqueados entendam, por exemplo, o que são Royalties de Marketing. Esse e outros temas farão parte do conteúdo a seguir e você poderá esclarecer essas dúvidas e muito mais! Em suma, sobre os Royalties de franquias, o que você vai encontrar absorvendo este conteúdo é:

  • Royalties de franquia: o que são?
  • Royalties de Marketing: qual a sua definição?
  • A que se resume os royalties de franquias e de que maneira eles são cobrados?

Vamos lá! Pronto para sanar suas dúvidas? Segue com a gente que, de maneira rápida e fácil, já terá entendido cada ponto que precisa ser estudado!

ROYALTIES DE FRANQUIA: O QUE SÃO?

Os investimentos contínuos são indispensáveis por parte do franqueado, para que se usufrua de todos os benefícios de uma marca que já está consolidada no mercado e que já foi validada pelo seu público consumidor. É justamente por esse motivo que, antes de tomar a decisão de se tornar um franqueado, é essencial que se entenda o que são os royalties de franquias.

Royalties de franquias são prestações (geralmente mensais) pagas pelos franqueados às franqueadoras e esse pagamento lhes dá o direito de garantia à licença de uso da respectiva marca ou instituição, e até mesmo de determinado produto.

Quando um franqueado investe em uma franquia, ele adquire seu direito de utilizar tudo aquilo que a marca engloba. Esse universo envolve desde a sua identidade visual, a forma que as operações são feitas, meios de divulgação, toda a ambientação, o modelo de gestão, e muitos outros quesitos passam a ficar disponíveis ao franqueado. É literalmente um padrão que precisa ser mantido, onde a franquia segue algumas normas especificar e também tem direito de seguir a fórmula que a franqueadora encontrou para manter seu negócio em um sucesso constante. Você, de uma maneira descontraída de se falar, praticamente compra para “copiar e colar” todos os passos da marca através da qual se tornou franqueado.

O investimento em uma empresa já estabelecida em determinado setor, permite que as suas chances de obter o sucesso como franqueado aumentem. Isso é possível pelo recebimento de um padrão de instituição pronta, em que os seus processos estão pré-estabelecidos e por tratar-se de uma marca que já tem uma grande força em um mercado específico.

O QUE SÃO ROYALTIES DE MARKETING?

Ao falarmos de royalties de franquia é indispensável que o conceito de royalties de marketing seja abordado e compreendido.

Os Royalties de marketing podem estar incluso e fazer parte do pagamento realizado mensalmente pelo franqueado. Podem também ser extras que são pagos todo mês. O motivo de existirem é para cobrir os gastos com propaganda e com promoções, sendo como uma espécie de taxa desse setor.

Quando pensamos em pagar essa taxa, é preciso lembrar de quais são os principais benefícios que adquirir uma franquia contempla, dentre eles está poder utilizar uma marca que já está consolidada em relação ao público. É a partir daí que a taxa de propaganda faz sentido para que se tenha o apoio do franqueado, e para que a manutenção da marca, tanto nos variados canais de comunicação, quanto nas suas campanhas internas, seja contínua. Inclusive, a franqueadora pode adquirir softwares como o Deskfy, que irão otimizar seus processos de criação e divulgação de peças publicitárias entre os profissionais dos times de marketing tanto da franqueadora quanto dos seus franqueados.

De uma maneira geral, as franqueadoras basicamente ficam responsáveis pela captação e pela distribuição dos royalties de marketing entre as diversas estratégias de marketing, na criação de uma comunicação única. E também se responsabiliza por limitar as estratégias individuais de divulgação.

E aí, gostou do nosso conteúdo? Viu que nem é tão difícil assim entender sobre Royalties de franquia, não é? Se ficou com alguma dúvida, caso prefira nos dar qualquer feedback ou sugerir novos assuntos deixe nos comentários!